CNE DE TROPESSÃO EM TROPESSÃO – CIDADÃO É ASSASSINADO NO BOCOIO POR INTOLERÂNCIA POLÍTICA


CNE DE TROPESSÃO EM TROPESSÃO – CIDADÃO É ASSASSINADO NO BOCOIO POR INTOLERÂNCIA POLÍTICA

Lobito, 21.08.2017

Os activistas da OMUNGA estiveram hoje, segunda-feira 21, mais uma vez no município do Bocoio para monitorar o andamento do processo eleitoral.

Desta feita, entre os líderes dos partidos políticos entrevistados, ouviu o secretário municipal da UNITA.

Este apontou as dificuldades que vivem até hoje em relação ao credenciamento dos delegados de lista, a “dispersão das listas dos eleitores que faz com que até ao momento muitos cidadãos ainda não sabem onde vão votar, trocas de assembleias”.

Falou também da intimidação política que “ainda continua”. Falou do assassinato de Adriano Cateve Viti, ocorrido do Evole a 12 de Agosto, por intolerância política, como a detenção de delegados de listas durante a noite de ontem pela polícia nacional, para além da movimentação de populares que estão a fugir das suas áreas de origem porque estão a ser informados que depois das eleições vai haver guerra”:

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.