Carta aberta: “Mais uma vitima nas mãos de um agente da policia nacional em Angola”


Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.