POLÍCIA NACIONAL MATA JOVEM NA CANATA (vídeo)


POLÍCIA NACIONAL MATA JOVEM NA CANATA

Lobito, 14/08/2018

Por volta da 1 da madrugada de 14 de Agosto, o jovem Paulo Domingos Capingãla, mais conhecido por Balily, de 23 anos de idade foi assassinado com um tiro na cabeça por um agente da polícia nacional.

O caso aconteceu no bairro da Canata quando um grupo de jovens amigos, depois de terem estado a consumir numa barraca, tiveram uma discussão. Depois disso, decidiram abandonar a barraca onde estavam e foram para a estrada para contarem o dinheiro que ainda possuíam. Foi nessa altura que apareceu a viatura da patrulha da polícia nacional com cinco agentes fardados que interpelaram os jovens questionando o que estavam a fazer.

Nesse diálogo, um dos agentes dá um empurrão num dos jovens que por sua vez repostou com outro empurrão. Daqui começa a confusão quando o agente empurrado tenta algemar o jovem. Depois de dois agentes darem disparos para o ar, é quando um terceiro agente dá um tiro na nuca dum dos jovens que falece de imediato ali no local.

Os jovens ainda tentam reter o polícia que deu o tiro fatal e nessa confusão conseguem retirar o touca que lhe tapava o rosto e caiem da farda dois pacotes de whisky.

Os familiares e amigos tentaram contactar as autoridades policiais e fazer a denúncia e foi possível ainda ontém falarem com o comando provincial que garantiu que o agente já se encontra detido e que a polícia irá suportar com os encargos do caixão e das demais despesas do funeral.

As perguntas que permanecem: quem vai apoiar a criança de dois anos que Paulo Capingãla deixou? E quem irá consolar a sua mãe idosa?

 

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.