OMUNGA CONDENA VIOLÊNCIA POLICIAL CONTRA MANIFESTANTES, EM LUANDA


14034816_877237495753672_24309665940045356_n

21.08.2016

COMUNICADO URGENTE

Violência policial contra manifestantes em Luanda

É com enorme preocupação que a OMUNGA tomou conhecimento de mais um acto de violência policial contra manifestantes pacíficos em Luanda.

O facto ocorreu ontém, sábado (20.08.2016) quando os manifestantes tentavam aproximar-se do Largo 1º de Maio onde encontraram um enorme aparato policial fortemente armado.

De acordo ainda às informações, entre os manifestantes agredidos, encontra-se António Diogo Chinguari que foi mordido por um dos cães policiais.

A manifestação prevista tinha como propósito exigir a demissão do presidente da República.

Lembramos que, tal violência ocorre simultâneamente com o encerramento do congresso do MPLA, partido no poder e onde tenta, manipulando os órgãos de comunicação pública, trazer uma imagem de mudança. Infelizmente o discurso não corresponde com a realidade.

Por isso, a OMUNGA apela aos partidos políticos estrangeiros convidados a participar no referido congresso do MPLA a tomarem urgentemente uma posição contra a violência policial e a violação abusiva e sistemática do direito à manifestação em Angola, deixando de considerar que tal posicionamento corresponderia a ingerência nos assuntos internos de Angola.

As relações entre Angola e os demais Estados, especialmente Portugal, devem representar acima de tudo o respeito da dignidade dos povos, contrariando o que se tem acompanhado, a defesa e manutenção dos interesses económicos e financeiros, principalmente privados à custa do sacrifício dos seus cidadãos e da sua constante humilhação.

A OMUNGA responsabiliza o presidente da República por mais esta acção irresponsável por parte da polícia nacional e exige uma investigação imediata sobre o ocorrido.

José Patrocínio

 

Director Executivo

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.