CIDADÃOS: SOFREM DEMOLIÇÕES E DESALOJAMENTOS FORÇADOS NA BAIA FARTA


Mais de 8 dezenas de famílias dos ex-militares foram desalojadas na manhã dia 23 de janeiro no município da Baia Farta. Segundo os mesmos, os actos foram perpetrados por agentes da policia nacional, acompanhados por funcionários da administração municipal de Benguela.

Os populares sentem-se revoltados e indignados com os acontecimentos porque o espaço foi-lhes cedido pelo então governador Armando da Cruz Neto, e o mais agravante é que segundo os mesmo os actos aconteceram numa altura em que a população não recebeu notificação ou aviso prévio, nem mesmo o processo passou antes por negociações.

Os populares falam em mais de 50 casas de chapas, e mais de 50 casas de blocos que foram demolidas. Lamentam ainda pelo desaparecimento dos seus bens materiais que retiraram de suas residências na altura e até ao momento não sabem aonde se dirigirem para reaverem.

A Omunga tomou conhecimento do caso, e está a fazer o seu acompanhamento no sentido de apurar os factos e contribuir para a sua resolução pacífica.

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.